Cinco dicas para driblar a falta de foco nos…

Salve salve guitarrista!

Nesse vídeo vou te mostrar porque você tem dificuldades em manter o foco nos estudos na guitarra e como você pode superar isso sem maiores stress.

Antes de mais nada quero pedir para você se inscrever AQUI NA MINHA NEWSLETTER, assim você não perderá nenhuma postagem e ainda ficara por dentro do meu novo método em breve.

Existem pesquisas em empresas revelam que um grande número de pessoas se encontra num estado de atenção muito longe do ideal durante a jornada de trabalho ou estudo. Um estudo conduzido pelas universidades Harvard, Stanford e Claremont constatou que na maior parte do tempo os profissionais estão estressados ou entediados. Apenas 20% das pessoas analisadas demonstraram momentos de satisfação plena durante atividades como trabalho e estudo. O restante costuma passar tempo demais na internet ou pensando em outras coisas que não estão relacionadas às tarefas que precisam ser feitas.

O fato é que as pessoas que gostam do que fazem sentem mais facilidade para manter a atenção. O ideal seria aproximar o estudo de guitarra a algo que proporcione prazer. Como nem sempre isso é possível, manter a motivação e encontrar um propósito para o que se faz pode ser uma saída para evitar o tédio e a consequente falta de atenção.

Por isso é tão comum encontrarmos guitarristas que são capazes de passar horas tocando guitarra, mas não conseguem parar 10 minutos se for para estudar e desenvolver algo diferente na guitarra. O nosso senso de percepção e foco está diminuindo cada vez mais e isso também já é comprovado cientificamente, as crianças atualmente possuem um tempo de foco em uma única atividade ainda menor do que as gerações anteriores.

Quais são os motivos para essa perda de foco? Confira no vídeo a seguir:

Inscreva-se para ficar por dentro de todas as novidades!

Ao se inscrever, você também irá receber e-mails de promoção/marketing do Regisson Silva.

Acompanhe também pelo Podcast!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *